1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 (0 Votos)

180211_injusticaMoçambique - Jornal de Notícias - Um tribunal comunitário em Mossurize, província de Manica, ordenou que um cidadão fosse açoitado, por supostamente ter roubado uma carroça de bois.


Segundo noticiou ontem a Rádio Moçambique, o colectivo de juízes do Tribunal Comunitário de Chirere, sudeste de Mossurize, após o aconselhamento de um curandeiro, acusou e condenou "formalmente" o cidadão por roubo, tendo de seguida ordenado que fosse espancado, depois de amarrado junto a uma árvore. O indivíduo viria a morrer por fractura na coluna vertebral. O chefe da localidade foi detido. O facto aconteceu esta semana, quando começou uma discussão por causa de uma carroça de bois que tinha sido roubada.


Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Microdoaçom de 3 euro:

Doaçom de valor livre:

Última hora

Última hora

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Eledian Technology

Aviso

Bem-vind@ ao Diário Liberdade!

Para poder votar os comentários, é necessário ter registro próprio no Diário Liberdade ou logar-se.

Clique em uma das opções abaixo.