1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 (0 Votos)

ventomareGaliza - CSOA Escárnio e Maldizer - Desde o ano 2011 o antigo local da agrupaçom de baile e canto tradicional Cantigas e Agarimos, situado na Algália de Riba, permaneceu fechado.


Um grupo de pessoas da cidade reabriu este espaço para enchê-lo de vida e convertê-lo num centro social da gente numha zona velha de Compostela deixada a lógica da produtividade, afastada das vizinhas e pensada para o turista.

O estado deste edifício antes de ser ocupado era de total despreocupaçom por parte das proprietárias, unha construtora, o qual deu pé ao seu contínuo e implacável deterioraçom Por isto desde o primeiro momento venhem-se realizando trabalhos de restauraçom e limpeza para recuperar um espaço que nalgum tempo foi um importante foco da vida cultural do bairro, e da cidade, e que a especulaçom e a despreocupaçom polo património histórico e cultural levárom ao abandono.

O espaço foi ocupado pondo em causa a propriedade privada e a gestom miserável e ruinosa levada a cabo polo Capital, dando pé a gente que tivera algumha iniciativa sem passar pola mediaçom do dinheiro e o lucro pessoal, tecendo laços de solidariedade e cumplicidade. No centro social fam-se todo tipo de atividades com a intençom de compartir, formar-se e crecer juntas, rompendo a normalidade e o temor a nom sabermos o que fazer quando ninguém nos dirige. Pouco a pouco morremos neste esperpento chamado democracia. Por dinheiro aceitamos, por medo esquecemos, com resignaçom sustemos este macabro sistema.

Como nom pode ser doutra forma, rejeitamos toda subvençom e mediaçom institucional, opondo-nos aos interesses depredadores de qualquer entidade estatal ou privada, rejeitamos assimilaçom do nosso priorizando a defesa da língua e a nossa cultura, dando vida aos valores de autonomia e horizontalidade que pretendemos difundir e artelhando um espaço de segurança e respeito onde primem os cuidados, a ajuda mútua e a solidariedade. O grupo que gere o funcionamento do espaço nom se limita só a actividade deste, é a nossa intençom impulsar iniciativas com projeçom na rua e posicionarmo-nos ante todos aqueles processos políticos que vejamos oportunos. No espaço reúnem-se ademais todo tipo de coletivos que buscam através da auto-organizaçom resistir e criar alternativas ás investidas do capitalismo e do patriarcado.

Que a dignidade ofendida anule a desesperaçom e torne em açom. Que a liberdade deixe de ser o direito a obedecer e volte ser o desafio a toda forma de poder. Que o desejo de viver nom se conforme com o que já existe e vaia ao assalto para arrebatar o que nunca foi.


Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Microdoaçom de 3 euro:

Doaçom de valor livre:

Última hora

Última hora

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Eledian Technology

Aviso

Bem-vind@ ao Diário Liberdade!

Para poder votar os comentários, é necessário ter registro próprio no Diário Liberdade ou logar-se.

Clique em uma das opções abaixo.