1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 (0 Votos)

230911_vacina_sarampoMoçambique - Jornal de Notícias - Polo menos doze pessoas morreram vítimas de um surto de sarampo na semana passada, em Muchte, localidade de Samoa, no posto administrativo de Zóbuè, em Moatize, ao longo da fronteira com o Malawi.


A directora distrital da Saúde, Mulher e Acção Social de Moatize, Dra. Azélia Novela, que revelou o facto à nossa Reportagem, acrescentou que o surto eclodiu em finais de Agosto último e iniciou-se de imediato uma campanha de vacinação de bloqueio na localidade de Samoa, nos povoados de Gunda, Mucthe, Tapadothi, zonas onde foram diagnosticados os primeiros casos de sarampo.

Neste momento estão a surgir casos espontâneos de sarampo em alguns bairros do município de Moatize e medidas para o seu bloqueio estão em curso, havendo brigadas móveis de vacinação que estão a efectuar um trabalho intra-domiciliário de vacinação e sensibilização da população sobre a eclosão da epidemia um pouco por todo o distrito na tentativa do seu estancamento.

"Aqui no centro da vila de Moatize nestes dias tivemos duas crianças com sinais de sarampo provenientes dos bairros Liberdade e 25 de Setembro. Um dos motivos do surto, uma vez que terminamos a campanha de vacinação pode-se aliar às constantes deslocações da população ao Malawi, porque este país não tem este hábito de vacinar a sua população contra o sarampo" - disse a Dra. Azélia Novela.

As brigadas de vacinação estão abranger crianças dos seis meses aos 15 anos de idade e a aderência neste momento é maior por parte das comunidades e tudo indica que se vai alcançar um grande número de crianças com aquelas idades.

O distrito de Moatize possui neste momento um "stock"suficiente de vacinas para atender casos de surgimento de focos para intervenções de bloqueio imediato para evitar a expansão do surto a outras regiões do distrito.

Entretanto, durante o ano passado o distrito de Moatize registou casos de sarampo nos povoados do Posto Administrativo de Zóbuè, que se localizam ao longo da zona fronteiriça com o Malawi onde se registaram 10 óbitos nas comunidades locais.


Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Microdoaçom de 3 euro:

Doaçom de valor livre:

Última hora

Última hora

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Eledian Technology

Aviso

Bem-vind@ ao Diário Liberdade!

Para poder votar os comentários, é necessário ter registro próprio no Diário Liberdade ou logar-se.

Clique em uma das opções abaixo.