1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 (0 Votos)

obiangGuiné Equatorial - Diário Liberdade - País africano de língua espanhola é criticado por organizações internacionais por violação de direitos humanos. ONGs veem interesses econômicos na aceitação. Em 2010 houve uma moratória à entrada, mas agora, face ao ultimato de Angola e Brasil, cedeu-se.

angolaAngola - Esquerda - Num índice sobre fome e nutrição, um total de 45 países foram analisados no contexto de 22 indicadores que procuram medir a atuação dos governos nas áreas de combate à fome e à subnutrição, tendo Angola ficado em 42º, apenas três lugares acima da Guiné Bissau, que contabiliza os piores resultados.

130711_corrupcaoMoçambique - O País - O director Provincial de Plano e Finanças em Nampula, Armando Nhanhe, foi arrolado como declarante e sua audição está marcada para amanhã, na sexta secção criminal da procuradoria provincial.

150611_parlamento_timor_lesteTimor-Leste - Ibinda - O Parlamento de Timor-Leste aprovou uma resolução que recomenda a utilização da língua Portuguesa ou o Tétum no relacionamento institucional com as autoridades timorenses.

281210_wikileaks_guine_bissauGuiné-Bissau - Bissau Digital - Segundo documentos divulgados pelo WikiLeaks e publicados neste domingo pelo jornal El País, a diplomacia norte-americana indica que a Guiné Bissau é um Estado controlado pelo tráfico de droga e está preocupada com a influência de narcotraficantes sul-americanos na África ocidental.

221210_Malam_Bacai_SanhGuiné-Bissau - Bissau Digital - Através de dois decretos presidenciais, o Presidente guineense Malam Bacai Sanhá, exonerou esta quarta-feira, Satu Camara Pinto das suas funções de Ministra do Interior e nomeou em sua substituição Dinis Cablon Na Fantchamna.

221210_estradasMoçambique - Canalmoz - As obras da reabilitação da estrada que liga a cidade da Maxixe e a vila sede do distrito de Homoíne, província de Inhambane, num troço de 27 quilómetros, estão atrasadas há dois anos, segundo a reportagem do Canalmoz apurou no terreno.

161210_corrupomMoçambique - Canalmoz - — revela Álvaro Carvalho, ex-director financeiro do Ministério, agora co-réu no "Caso Manhenje"

091210_manhenje2Moçambique - Canalmoz - O tão esperado julgamento do antigo ministro do Interior, Almerino Manhenje, arrancou com grandes revelações. O réu disse ao juiz do caso que parte do dinheiro que desviou no Ministério do Interior (MINT), fê-lo com consentimento do ex-chefe de Estado, Joaquim Chissano. Manhenje falava especificamente do dinheiro do MINT que usou para pagar viagens da sua esposa, filha e sobrinha ao exterior.

081210_Joaquim_ChissanoMoçambique - Canalmoz - Ontem, no arranque do julgamento do antigo ministro do Interior, Almerino Manhenje, e de seus ex-dois colaboradores, na altura afectos à Direcção da Administração e Finanças daquele ministério, a acusação, a cargo do Ministério Público, tratou de detalhar os crimes cometidos. São ao todo três os crimes de que é acusado o ex-ministro de Joaquim Chissano. O pagamento de salários de 44 empregados domésticos com fundos do orçamento do Ministério do Interior (MINT) despertou particular espanto na assistência.

071210_corrupcaoMoçambique - Jornal ST - O ex -ministro do Interior de Moçambique, Almerino Manheje, começa esta terça-feira a ser julgado por alegado desfalque de seis milhões de euros no pelouro que dirigiu durante 10 anos.

061210_Parlamento_MoambiqueMoçambique - Canalmoz - Os 250 deputados da Assembleia da República (AR) foram aumentados.

241110_parlamentomoambiqueMoçambique - Canalmoz - O executivo estará hoje na Assembleia da República para prestar informações aos deputados e aos moçambicanos em geral. Espera-se nesta sessão que questões pontuais como é o caso da operação "Bypass" da Mozal, a pobreza urbana e a polémica em torno do caso SEMLEX, o tal casos dos BI e Passaportes biométricos sejam debatidas e clarificadas pelo Governo. Isso se a bancada parlamentar da Frelimo deixar, visto que nas anteriores sessões de informações do Governo a bancada da Frelimo inviabilizou a apreciação e debate das questões avançadas pelas bancadas da oposição. Impediu que fossem respondidas pelos membros do Governo, as perguntas da oposição.
O Canalmoz está na posse do rol de questões em torno das quais as três bancadas pedirão esclarecimentos ao Governo.

081110_isaura_gomesCabo Verde - A Semana - A presidente da Câmara Municipal de S.Vicente, Isaura Gomes, acaba de pedir a suspensão do mandato por um período de seis meses. O pedido está sendo analisado na sessão da Câmara, que começou hoje de manhã, 8, nos Paços do Concelho.

261010_frescuraAngola - Jornal de Angola - O presidente do Tribunal Supremo, Cristiano André, pediu maior responsabilidade dos órgãos judiciais na província do Bié, de forma a garantir melhor qualidade de serviços às populações da região.

121110_airesaliMoçambique - Canalmoz - O Governo rejeita a hipótese de extinguir a figura de representante do Estado que criou para funcionarem em cidades e vilas que foram autarcizadas ao serem promovidas as primeiras eleições municipais. A oposição e certa opinião pública propõem que, no âmbito da implementação das medidas de austeridade anunciadas pelo Governo, esta figura seja retirada, dado que não se vê a sua importância nos municípios onde existe.

240910_corrupoMoçambique - Canalmoz - - considera Isabel Rupia, antiga directora do Gabinete Central de Combate à Corrupção, que já ocupou, igualmente, o cargo de procuradora-geral adjunta da República "Presidente Guebuza devia ser exemplo, declarando publicamente seus bens"

220910_frelimoMoçambique - Canalmoz - O secretário-geral da PGR, Adriano Boane, confirma que a publicidade é ilegal, mas diz que a procuradoria não entra neste caso. "Não é assunto da Procuradoria". "Existem posturas camarárias que devem ser observadas. É a polícia camarária que deve velar por essas questões", sentenciou aquele magistrado e recomendou: "Pergunte aos órgãos municipais, primeiro, porque para alguém colocar uma placa publicitária na rua tem de pedir autorização ao Conselho Municipal".

210910_raul_araujoAngola - Jornal de Angola - Angola não tem advogados suficientes para corresponder às necessidades, face às novas exigências que a Constituição estabelece para a garantia do direito ao acesso à justiça, afirmou ontem em Luanda o antigo bastonário da Ordem dos Advogados e decano da Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto, Raul Araújo.

170910_presidentemoambicanoMoçambique - Canalmoz - "Moçambique é um Estado falido, há mais de 25 anos, mas todos temos a responsabilidade de evitar que ele se converta num Estado falhado" – Professor Dr. António Francisco

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Eledian Technology

Aviso

Bem-vind@ ao Diário Liberdade!

Para poder votar os comentários, é necessário ter registro próprio no Diário Liberdade ou logar-se.

Clique em uma das opções abaixo.